Ransomware: saiba como proteger a sua empresa do ataque

Buscar

Compartilhe:

Recentemente, uma grande empresa brasileira sofreu um ataque ransomware. O sequestro digital foi responsável por deixar a plataforma online da marca fora do ar e paralisou os pagamentos por meios digitais das lojas que operam fisicamente.

A empresa declarou que não foi necessário pagar por resgate, que a equipe de colaboradores seguiu o plano de proteção e recuperação e que os principais bancos de dados foram preservados.

Ainda que a marca não tenha sido tão prejudicada, o ataque ransomware acabou afetando algumas atividades da empresa.

Logo, entender o que deve ser realizado para se proteger contra esse tipo de problema é fundamental, afinal, sem a segurança necessária, as consequências podem ser devastadoras.

Continue acompanhando este texto para entender tudo sobre como proteger a sua empresa de um ataque ransomware.

Boa leitura!

 

  1. Invista na segurança perimetral

A primeira estratégia para proteger a sua empresa de um ataque ransomware é apostar na proteção da borda ou perímetro da rede, já que o antivírus não pode operar nesse espaço da infraestrutura de TI. Logo, é desfeita aquela inverdade de que basta comprar uma excelente licença de antivírus para permanecer seguro.

O firewall é a resposta desenvolvida para fornecer esse tipo de proteção, pois ele atua como se fosse um porteiro digital, checando tudo aquilo que vem da internet e o que sai da rede de navegação. Consequentemente, ele consegue bloquear o que não tem permissão para passar.

No momento em que alguém deseja realizar uma invasão em um computador de uma empresa com o objetivo de promover um ataque ransomware, consegue identificar o IP que o provedor está fornecendo e, a partir dele, busca por “portas” que sejam fáceis de serem invadidas. Se não há um excelente firewall, o invasor faz tudo isso sem ter dificuldade ou ser detectado.

  1. Realize backup frequentemente

Outra forma de proteger a sua empresa de um ataque ransomware é programando backup regularmente.

Essa estratégia é muito eficiente, já que, quando os dados podem ser restaurados por meio da rotina de backup, não é preciso realizar o pagamento de resgate.

Não esqueça que a ideia de backup consiste em manter cópias de segurança longe do espaço de produção. É essencial realizar a análise integral dos arquivos e processo de backup para assegurar que tudo o que é indispensável esteja seguro e que exista o backup atual distante da rede, em local alternativo.

  1. Realize a avaliação de risco

É comum acreditar que todos os elementos fracos do negócio estão cobertos, mas você pode estar enganado sobre isso.

Justamente por esse motivo, é necessário apostar em auditoria de proteção e avaliação de riscos da segurança cibernética para proteger a sua empresa de um ataque ransomware. Isso permite entender se todos os sistemas estão protegidos da forma que você acredita.

O time de auditoria tem a responsabilidade de realizar testes de invasão com a missão de checar os pontos de segurança dos seus procedimentos e toda capacidade do empreendimento, para evitar qualquer tipo de ataque cibernético. Desta maneira, é possível conhecer aquilo que demanda mais atenção.

  1. Aposte na atualização de software

Não tem como proteger a sua empresa de um ataque ransomware sem manter o software atualizado. Uma das maneiras mais comuns desta modalidade de ataque é por meio da procura de falhas na proteção de software sem atualização.

Atualizar o software é o processo de instalar os patches de proteção que foram criados pelos desenvolvedores, para fazer com que os programas sejam mais seguros contra qualquer perigo conhecido.

Nas empresas, essa é uma responsabilidade daqueles que trabalham na área de TI.

  1. Desenvolva um planejamento de resposta e recuperação de desastres

Dispor de um processo abrangente de resposta e recuperação em caso de desastres é essencial para proteger a sua empresa de ataques ransomware.

Um plano de resposta e recuperação é elemento-chave para, quando um golpe deste tipo obtém sucesso, possibilitar não apenas manter a segurança dos dados e a continuidade das operações de TI, mas, em especial, para garantir a capacidade da empresa para prosseguir operando com regularidade e, adicionalmente, para preservar sua reputação.

  1. Desenvolva uma política de acesso transparente

Desenvolva contenções de ingresso, credenciais, sistemas de acompanhamento, retenções, relatórios e quaisquer outros hábitos de proteção.

Para proteger a sua empresa de um ataque ransomware, é importante estabelecer regras deste tipo e fazê-las serem seguidas por todos os colaboradores, bem como ter atenção especial para com aqueles funcionários que utilizam dispositivos pessoais, como smartphones, que manipulam dados da empresa.

É essencial ter em mente que qualquer dispositivo conectado à rede pode se tornar frágil ou infectado, logo, é necessário ter impedimentos e controles de acesso para auxiliar na proteção.

 

Gostou deste artigo? Entre em contato conosco por meio do WhatsApp ou e-mail e conheça tudo sobre os nossos serviços.

Envie seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com*

Thanks for getting in touch! We'll get back to you soon

tranformacao digital